30 de agosto de 2018

Juntos Pelo Rio

Artigos | Inovação | Leonardo Toco |

João Domenech Oneto Juntos pelo Rio

Executivo Senior em Comunicação, PR, Gerenciamento de Crise e Mudança, Engajamento, Relações com Imprensa e Stakeholders

Hoje, 29 de agosto, às 18:00, no Museu do Amanhã, uma reunião organizada pelo juntospelo.Rio vai comemorar e avaliar os resultados do Hacking.Rio, um evento excepcional que marca a história do Rio de Janeiro neste ano de 2018 pela virada que indica para cidade. Desde que conheci o movimento juntospelo.Rio (saiba mais www.juntospelo.rio.com.br ) há exatamente um ano, fiz um grande esforço para acompanhar, participar e ajudar. Estive em apenas três reuniões, contribuí pouco nas discussões, mas tenho tentando divulgar o trabalho e as atividades através dos meus canais e contatos, principalmente junto a empresários estrangeiros. A razão do meu baixo engajamento é simples, algo que partilho com milhares de outros profissionais cariocas: minha semana de trabalho acontece em São Paulo, a poderosa irmã ao sul da Cidade Maravilhosa. Como milhares de cariocas, vivo toda semana a ponte aérea, passo nas segundas-feiras pela deslumbrante paisagem do Pão de Açúcar a caminho do Santos Dumont, e enfrento a realidade de não poder voltar para casa ao final dos dias de trabalho no resto da semana.

João Domenech Oneto Juntos pelo Rio

Esta situação é evidentemente um reflexo claro da atual crise do Rio, mas também de crises precedentes, e de uma série de governos estaduais desastrosos. Na verdade o êxodo de empresas do Rio para SP começou há muito mais tempo, há décadas de fato, sem que houvesse qualquer reação séria de prefeituras ou governos estaduais. Mas a culpa é também de nós cariocas, que esperamos que governos, que sabíamos ser ineptos, fizessem este trabalho sem nossa pressão, cobrança e envolvimento. Isto está mudando. Há muita gente séria fazendo imensos esforços em colaboração para reverter esta situação e para fazer o Rio de Janeiro realizar todo seu potencial. O juntospelo.Rio é para mim o principal exemplo disso, especialmente na figura incrível e inspiradora de Lindalia Junqueira e na liderança de Leonardo Toco. Mas é até um pecado não citar muitos outros nomes das centenas de voluntários engajados que fazem grandes contribuições para o movimento.

João Domenech Oneto Juntos pelo Rio

Apesar da crise mais recente, que envolveu uma série de fatores como a corrupção do governo estadual, a falência do federal e a crise do petróleo, entendo que hoje a comunidade de empresários e profissionais cariocas têm muito mais consciência de seu papel fundamental em fazer o Rio forte novamente. O juntospelo.Rio faz um trabalho de encorajamento a iniciativas de inovação, tecnologia e ajuda a trazer e realizar mais e mais eventos para a cidade. Em um ano o movimento conquistou visibilidade e o respeito da comunidade de negócios do Rio. Mas esta reação está bem clara também em tudo o que a FIRJAN tem realizado, simbolizado pela Casa FIRJAN, para citar apenas a mais impactante iniciativa. A Fecomércio passou por anos difíceis, mas também entendo que volta a desempenhar um papel importante para o Rio de Janeiro.

E por aí vai. Cada instituição baseada no Rio de Janeiro, cada pequena, média e grande empresa tem um papel importante no processo de recuperação e revitalização da cidade. O valor cultural trazido por novos espaços como o Museu do Amanhã, o MAR e o AquaRio é inestimável. Todos tornaram-se instituições de referência, instituições vivas que não proporcionam apenas visitas iluminadoras, mas que levam iniciativas e contribuições para além de suas paredes, para dentro das comunidades. É momento também de lutarmos pela abertura do novo Museu da Imagem e do Som em Copacabana, cujos acervo e proposta serão contribuições importantíssimas para esta paisagem cultural.

João Domenech Oneto Juntos pelo Rio

O Rio de hoje tem um sistema de transportes muito mais robusto do que há quatro anos, quando a crise começou a se agravar. Com um metrô expandido, um BRT ainda em expansão, um excepcional sistema de VLT e novas vias que facilitaram a circulação pela cidade, a cidade avança. O Porto Maravilha é um dos mais incríveis projetos de revitalização de uma área urbana vital realizados nas últimas décadas em todo o mundo. Lá o carioca redescobriu sua história, ampliou seus espaços culturais, construiu prédios de arquitetura revolucionária ao lado de prédios de valor inestimável para nosso patrimônio, criou uma grande oferta de espaços de negócio e, em suma, recuperou uma parte significativa e crucial do Rio de Janeiro para moradores, turistas e empresários.

A crise certamente teve seu impacto no porto, diminuindo a velocidade da ocupação, mas isto pode e deve ser recuperado em breve, e já podemos comemorar o investimento e a visão de empresas como L´Óreal, Bradesco, YouTube, Granado e Fábrica de Startups, que escolheram a região para suas sedes. O centro do Rio volta gradativamente a ser um local excepcional para a retomada dos negócios no Rio, com espaços de alta qualidade, servido por uma estrutura de transportes mais completa e próximo a um dos aeroportos urbanos mais eficientes e bem localizados do mundo. Ainda mais importante, o Rio tem um corpo de profissionais inovadores, experientes, competentes, resilientes e flexíveis que dão às empresas segurança de operações de sucesso. Todos oriundos de instituições de ensino de excelência espalhadas pela cidade. Muitos destes ainda podem ser encontrados na ponte aérea, empurrados para SP num dos mais trágicos “Brain Drains” dentro de um mesmo país de que se tem notícia. Algo que precisamos combater.

João Domenech Oneto Juntos pelo Rio

Situação conflitante também vivida pela rede hoteleira do Rio, que cresceu, se sofisticou e se diversificou, melhorou seus serviços nos últimos anos impulsionada pelas Olimpíadas, mas cujo grande passo foi seguido por um momento difícil de baixa ocupação e muitas dificuldades. Algo que ainda é uma realidade. Porém, este é o momento que todos nós que vivemos nesta cidade estamos transformando em um período de oportunidade e prosperidade. E a visão dos empresários hoteleiros será recompensada. Hoje temos hotéis excepcionais no Rio (e outros excepcionais em planejamento para inauguração breve como o Fairmont que voltará ao histórico espaço do Rio Palace, ou o Jo&Joe que recupera o Largo do Boticário, faltando uma solução para o Hotel Glória), com serviços e estruturas de altíssimo padrão, e com uma vantagem imensa sobre hotéis semelhantes em outras cidade: do lado de fora, visível das suas janelas, estão as paisagens mais deslumbrantes do planeta e uma atmosfera de descontração e positividade tão própria do carioca.

João Domenech Oneto Juntos pelo Rio

Em décadas trabalhando em empresas multinacionais de várias origens e com colegas espalhados por todos os continentes, sempre insisti em desfazer uma imagem negativa exagerada que se criou para o Rio de Janeiro nos quesitos estrutura, segurança e serviços (e na minha opinião construída conscientemente por quem tinha interesse em esvaziar a economia da cidade em benefício próprio). Problemas neste três quesitos existem sem dúvida alguma no Rio de Janeiro. Especialmente de segurança. Mas o esforço da sociedade e da comunidade de negócios no Rio de Janeiro de lutar por melhorias, e de pressionar governos com uma participação mais ativa, é muito maior.

O Rio de Janeiro é muito forte e oferece boas condições para trabalhar e realizar negócios. Tem muitos problemas, é óbvio. Tem muito que melhorar e tem menos estrutura que São Paulo. Mas tem a resiliência e a dedicação dos cariocas somada a uma qualidade de vida incrível. O que prego a estrangeiros que pensam em se instalar e trabalhar no Brasil é simples: por que não escolher trabalhar numa cidade na qual você gostaria de passar seu tempo livre? O Rio pode ser o lugar perfeito para empresas serem bem sucedidas. E no fim de semana você já está no lugar perfeito para descansar.

João Domenech Oneto Juntos pelo Rio

Hoje infelizmente não estarei na reunião do juntospelo.Rio mais uma vez. Sei que Desejo uma incrível reunião com a energia de sempre, e muito sucesso a todos. E que em breve nós cariocas da ponte aérea possamos voltar a colaborar e contribuir para um Rio de Janeiro mais forte e mais lindo.